Tornando-se um detetive particular

Curso de Detetive Particular – Tornar-se um detetive particular pode ser uma carreira desafiadora e gratificante. Há muitos fatores diferentes a considerar, desde a educação necessária até as horas de trabalho. Um detetive particular deve ter bom senso e raciocínio sólido para realizar seu trabalho. Se você estiver interessado em se tornar um investigador particular, leia este artigo para saber mais sobre o trabalho e seus benefícios. Há também muitos tipos diferentes de detetives particulares disponíveis, o que torna importante fazer sua pesquisa antes de contratar um.

Ambiente de trabalho

O ambiente de trabalho de um detetive particular varia muito. Embora os investigadores possam passar algum tempo em escritórios, eles geralmente estão em trânsito. Eles podem realizar vigilância, fazer chamadas telefônicas e realizar entrevistas. Alguns trabalham em salas de reuniões sofisticadas, enquanto outros são baseados em bares decadentes. Os detetives de hotéis e lojas também podem trabalhar fora do escritório. Os investigadores podem estar sozinhos durante a vigilância, mas também podem trabalhar em equipa. Algumas tarefas exigem que eles estejam armados.

Os investigadores particulares geralmente trabalham para agências menores e independentes, que tendem a pagar mais e a dar-lhes atribuições de nível superior. Alguns optam por abrir suas próprias empresas. Embora a maioria dos investigadores particulares trabalhe de forma independente, aqueles que trabalham para empresas maiores geralmente ocupam cargos gerenciais ou de supervisão. Os ambientes de trabalho para detetives particulares variam muito, dependendo do caso. Alguns exigem que os detetives passem muito tempo na frente dos computadores, enquanto outros exigem que eles realizem entrevistas e trabalho de campo.

Requisitos de educação

Existem vários requisitos educacionais para se tornar um detetive particular. Para se tornar um investigador particular licenciado, você deve ter um diploma universitário em justiça criminal ou áreas afins. O curso deve incluir ética, questões legais e a Lei de Segurança Privada. Muitos programas também oferecem oportunidades de estágio. Você deve descobrir os requisitos de educação exatos para seu estado ou jurisdição específica antes de solicitar uma licença. Os requisitos para obter uma licença de investigador particular podem variar de estado para estado, mas, em geral, o grau de associado em justiça criminal é o mais comum.

Geralmente, você precisará de um diploma de bacharel de uma faculdade ou universidade credenciada. Um diploma de bacharel levará cerca de quatro anos para ser concluído e pode ser em qualquer área de assunto. Após a formatura, você pode solicitar uma licença profissional e começar a trabalhar. No entanto, se você planeja se tornar um investigador particular logo após a faculdade, deve primeiro considerar fazer uma pós-graduação ou um diploma de justiça criminal.

Horas de trabalho

As horas de um investigador particular podem variar muito. Esses investigadores podem passar algum tempo em um escritório, enquanto outros podem estar no campo realizando vigilância e entrevistas. Eles também podem trabalhar durante feriados ou fins de semana. Por causa disso, os detetives particulares costumam ter horários de trabalho irregulares. Se você estiver interessado em se tornar um investigador particular, aqui estão algumas dicas a serem consideradas. Listados abaixo estão alguns horários comuns para detetives particulares. Mas você deve ter em mente que eles podem estar trabalhando em ambientes incomuns.

Embora cada estado tenha requisitos diferentes para investigadores particulares, geralmente há horas de trabalho mínimas que devem ser atendidas. Alguns estados exigem que os investigadores tenham aulas para obter uma licença, o que pode eliminar algumas horas de trabalho. Outros podem ver este tipo de educação como equivalente a horas de trabalho. Portanto, é importante pesquisar os requisitos de licenciamento antes de se comprometer com uma carreira neste campo. No entanto, o horário de um detetive particular pode ser flexível o suficiente para acomodar seu estilo de vida.

Habilidades interpessoais

Embora muitos investigadores particulares trabalhem sozinhos, eles também precisam de boas habilidades com as pessoas. Seu trabalho geralmente exige que eles se comuniquem com agentes da lei e clientes. Eles devem ter fortes habilidades de pensamento analítico e crítico, ser capazes de identificar padrões e determinar a verdade. Habilidades sociais também são necessárias nessa linha de trabalho, porque os detetives particulares geralmente devem seguir pistas que podem não ser imediatamente óbvias para o público. Eles também precisam de compaixão e empatia para fazer o trabalho.

Os investigadores criminais devem ser bons comunicadores. As habilidades de comunicação verbal e escrita são importantes para o trabalho, pois eles precisarão entrevistar suspeitos e documentar suas descobertas. Conhecimento em informática também é imprescindível. Os detetives costumam usar computadores para acessar registros financeiros e realizar verificações de antecedentes. Conhecimento de programas de busca e bancos de dados é uma obrigação. Eles também precisam ser capazes de difundir situações e manter uma cobertura. Como resultado, eles devem ser proficientes em várias habilidades sociais.

Licenciamento

Para se tornar um investigador particular (PI), você deve atender a certos requisitos educacionais e de experiência. Você também pode ter que passar em um exame e obter uma licença se estiver trabalhando de forma independente ou como parte de uma empresa. Você terá que passar por uma verificação de antecedentes e tirar suas impressões digitais, e muitos estados exigem referências pessoais e profissionais. As referências devem abordar sua integridade profissional e comportamento ético. Aqui estão algumas dicas para ajudá-lo a começar sua jornada.

Detetives particulares em New Hampshire e Nova Jersey podem ser obrigados a obter uma licença através da polícia estadual. O estado do Tennessee regula os investigadores particulares, enquanto o Conselho de Investigações Privadas e Segurança da Dakota do Norte supervisiona a prática. Na Pensilvânia, um candidato a detetive particular deve solicitar o licenciamento entrando em contato com o funcionário do condado e solicitando uma data para o tribunal. Se for bem sucedida, a licença será válida por trinta dias.

Rate this post